País

Marta Temido diz não ter condições para continuar como ministra da Saúde

Loading...

Enquanto governante, sobreviveu a várias polémicas e duras críticas pela gestão da pasta.

Marta Temido já não é ministra da Saúde, depois de apresentar a demissão esta madrugada ao primeiro-ministro, por entender que “deixou de ter condições para se manter no cargo”.

Marta Temido era ministra da Saúde desde 2018 e é a primeira baixa no atual Governo, que tomou posse há, precisamente, cinco meses.

Enquanto governante, sobreviveu a várias polémicas e duras críticas pela gestão da pasta, sobretudo durante a pandemia.

Demite-se agora, numa altura em que o Serviço Nacional de Saúde atravessa uma das mais graves crises da história com problemas de fundo a resolver, sobretudo nas áreas de ginecologia e obstetrícia.

Últimas Notícias