País

Um em cada quatro juízes acredita que há magistrados corruptos, revela relatório

Loading...
As conclusões do relatório sobre a independência dos juízes são preocupantes para a Procuradora Geral da República. Lucília Gago pede medidas que provem se a perceção corresponde à realidade.

Num inquérito para o relatório sobre a independência dos juízes, quase 130 juízes portugueses admitiram que acreditam ter colegas corruptos e que aceitam subornos.

No seu discurso de tomada de posse do novo diretor do DCIAP, Lucília Gago deixou claro que a criminalidade no país está para lá dos máximos aceitáveis e que os números revelados pelo relatório são inaceitáveis.

A Procuradora-Geral da República quer uma melhor clarificação sobre os problemas na Justiça e pediu medidas perante este inquérito.

Francisco Narciso assume agora a liderança do Departamento Central de Investigação e Ação Penal, que investiga os grandes casos de corrupção. Sucede a Albano Pinto, que no passado não poupou críticas à falta de meios disponíveis para investigar os grandes crimes económicos.

Últimas Notícias
Mais Vistos