País

Militar do curso de comandos foi transferido para Curry Cabral

Militar do curso de comandos foi transferido para Curry Cabral
O Exército informa que o militar foi transferido para os cuidados intensivos e que está “hemodinamicamente estável”.

Um dos militares do 138.º Curso de Comandos que esta semana teve de ser sujeito a manobras de reanimação continua hospitalizado, encontra-se estável e foi transferido para a unidade de cuidados intensivos do Hospital Curry Cabral, informou o Exército.

Numa nota à comunicação social, o Exército informa que o militar que ainda permanece internado está "hemodinamicamente estável" e foi esta sexta-feira transferido "para a Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de Curry Cabral".

"O Exército mantém todo o apoio e acompanhamento relativo à situação clínica do militar", acrescenta-se. Na quarta-feira dois militares deste curso foram hospitalizados, sendo que um deles, que sofreu uma interrupção respiratória, entretanto já teve alta hospitalar.

De acordo com comunicado do Exército, o militar em causa que frequenta este curso e ainda está internado, durante a tarde de quarta-feira "sentiu-se indisposto" durante uma "marcha corrida de cinco quilómetros", no Regimento de Comandos da Serra da Carregueira, no distrito de Lisboa.

O militar foi "prontamente assistido" por dois socorristas e uma ambulância que acompanhavam aquela atividade e encaminhado para a Unidade de Saúde do Regimento de Comandos.

"Após avaliação, foi detetada alteração do estado de consciência, pelo que foram realizadas manobras de reanimação [...], o INEM procedeu ao transporte do militar para o Hospital São Francisco Xavier, onde se encontra internado em Unidade de Cuidados Intensivos, mantendo-se em vigilância, sedado e ventilado, com um perfil hemodinâmico estável", acrescentava a nota na altura.

Últimas Notícias
Mais Vistos