País

Bicicletas GIRA: uma alternativa sustentável cada vez mais procurada em Lisboa

Loading...
No Dia Europeu sem Carros, uma iniciativa da Semana Europeia da Mobilidade, a SIC foi conhecer melhor o projeto das bicicletas GIRA.

No Dia Europeu sem Carros, uma iniciativa da Semana Europeia da Mobilidade, a SIC foi conhecer melhor o projeto das bicicletas GIRA, um dos meios de deslocação sustentável em Lisboa.

Os meios de transporte elétricos partilhados têm vindo a ganhar popularidade ao longo dos últimos anos, com maior incidências nas grandes cidades. Sãos vistos por muitos utilizadores como uma alternativa viável aos transportes individuais, e há cada vez mais aderentes.

As bicicletas GIRA, da empresa EMEL, surgiram em 2017 e neste momento existem 1600 bicicletas, sendo que 1030 estão disponíveis nas ruas lisboetas. Estão ao dispor de todos aqueles que pretendem experimentar, e o passe anual custa 25 euros. 70% destas bicicletas são elétricas e estão espalhadas por 130 estações na capital. Está previsto aumentar este número, uma vez que são esperadas mais 13 estações em zonas como Benfica, Carnide e Alcântara.

Controlo e manutenção das bicicletas

Cada bicicleta faz em média 10 a 11 viagens por dia, o que obriga a uma manutenção frequente. A EMEL possui uma equipa de 33 técnicos que tratam da manutenção preventiva destes modos de transporte. De 50 em 50 viagens ou de 14 em 14 dias estes profissionais deslocam-se até aos locais onde se encontram as bicicletas e avaliam o seu estado.

Se for necessário, são transportadas para uma oficina onde estão 18 mecânicos encarregues de reparar qualquer que seja a avaria.

Existe também um centro de controlo de operações onde são monitorizadas as bicicletas que saem dos limites do concelho de Lisboa. Se tal acontecer, são imediatamente sinalizadas e é posto em prática um plano, juntamente com a PSP.

Últimas Notícias
Mais Vistos