País

Reformados e pensionistas marcham por aumentos das reformas

Loading...

O Movimento Unitário de Reformados, Pensionistas e Idosos está esta sexta-feira a realizar ações de protesto em 12 distritos do país.

O aumento das reformas e a perda de poder de compra são os motivos da contestação, que em Coimbra aconteceu na baixa da cidade com uma arruada.

Foram 20 os manifestantes que marcaram presença na arruada que teve lugar em Coimbra. Exigem que as pensões sejam aumentadas, tendo em vista o crescimento do custo de vida. Afirmam que estão a perder poder de compra e que, se tal se mantiver, serão “muito prejudicados”.

Apontam também que se sentem “enganados”, uma vez que lhes foram prometidos aumentos das pensões e das reformadas, e tal não aconteceu. Dizem ainda que a guerra está a ser utilizada como motivo para a estagnação dos vencimentos, quando, segundo os manifestantes, não é esse o real motivo

As duas dezenas de pensionistas que marcharam nas ruas de Coimbra pretendem, acima de tudo, ser remunerados de acordo com a presente inflação, uma vez que, segundo vários presentes, recebem o mesmo valor mensal que recebiam há vários anos atrás.

Últimas Notícias
Mais Vistos