País

Quedas de árvores e inundações foram as principais ocorrências até às 7:00

Sete distritos estão sob aviso laranja e 15 sob aviso amarelo devido à chuva e vento fortes e previsão de inundações.

A Proteção Civil registou entre as 18:00 de terça-feira e as 07:00 de hoje 83 ocorrências relacionadas com o mau tempo no continente, sobretudo inundações e queda de árvores, disse à Lusa o comandante José Costa.

O comandante da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) referiu, cerca das 07:15, que naquele período os distritos de Braga, Porto e Aveiro foram os mais afetados.

"Entre as 18:00 de ontem [terça-feira] e as 07:00 de hoje foram registadas 83 ocorrências. Trinta e quatro foram quedas de árvores, 22 inundações, 14 limpezas de via, 10 quedas de estruturas e três de movimento de massas", adiantou José Costa, acrescentando que não se registou nenhuma ocorrência grave.

Chuva "forte e persistente" e inundações

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou os distritos de Porto e Braga sob aviso vermelho até às 09:00 de hoje devido à previsão de chuva por vezes forte, acompanhada de trovoada e rajadas de vento.

O aviso vermelho, o mais grave de uma escala de três, é emitido sempre que existe uma situação meteorológica de risco extremo.

O IPMA colocou também os distritos de Viseu, Vila Real, Aveiro, Coimbra e Viana do Castelo sob aviso laranja devido à chuva até às 09:00 de hoje, passando depois a amarelo até às 21:00.

Para os distritos do Porto, Viana do Castelo e Braga foi emitido aviso laranja por causa do vento, temporariamente forte com rajadas até 95 quilómetros por hora (km/h) no litoral e terras altas, passando depois a amarelo.