País

Jovem de 16 anos detido por forte suspeita de matar padastro no concelho do Seixal

Agrediu o padrasto com uma faca no peito.

Um jovem de 16 anos foi detido, no concelho do Seixal, por ser suspeito de agredir o padrasto com uma faca no peito, acabando por provocar-lhe a morte, avançou hoje a Polícia Judiciária.

Em comunicado hoje divulgado, a PJ refere que através do Departamento de Investigação Criminal de Setúbal, foi possível identificar e deter, fora de flagrante delito, um jovem de 16 anos, "por sobre ele recaírem fortes indícios da prática de um crime de homicídio qualificado, na forma consumada, na pessoa do seu próprio padrasto, homem com 50 anos de idade".

Segundo o comunicado, a investigação permitiu apurar que o jovem, "num contexto de conflitos familiares", terá recorrido a uma faca de cozinha como arma de agressão, "infligiu à vítima um golpe na parte superior esquerda do peito, causando-lhe uma hemorragia abundante que acabou por lhe provocar a morte".

A PJ avança ainda que o jovem será, durante o dia de hoje, presente a tribunal para primeiro interrogatório judicial.

A judiciária avançou também que um jovem, de 18 anos, foi detido na quinta-feira depois de perseguir a ex-namorada e, com recurso a uma arma branca, ter tentado matar o jovem, também de 18 anos, que a acompanhava, encontrando-se já em prisão preventiva,

Em comunicado, a PJ refere que os factos ocorreram na quarta-feira, numa rua em Mira Sintra, concelho de Sintra, estando o jovem indiciado pela prática de crime de homicídio na forma tentada.

A PJ avança que após investigações foi apurado que o suspeito "determinado por ciúmes, perseguiu a ex-namorada, cuja relação terminara recentemente, tendo-a surpreendido na companhia da vítima, a quem confrontou com uma pretensa relação amorosa que ambos mantinham e que, na sua ideia, teria sido a justificação para o fim do seu namoro".

Durante a discussão, segundo a PJ, desferiu um golpe, "com instrumento corto perfurante, provocando-lhe lesões graves que causaram risco sério para a sua vida".

A vítima foi socorrida inicialmente no Serviço de Urgência do Hospital de S. José, tendo sido intervencionado por apresentar perfuração do pericárdio, com derrame pleural. Entretanto, foi transferido para a Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de Santa Marta, onde permanece sob vigilância médica.

Últimas Notícias
Mais Vistos