País

Autocarro apedrejado em Lisboa: Carris pede reunião urgente ao MAI

Autocarro apedrejado em Lisboa: Carris pede reunião urgente ao MAI

A Carris agradeceu a "rápida intervenção" dos Bombeiros Voluntários da Ajuda e das forças de segurança.

A Carris vai pedir uma reunião urgente ao ministro da Administração Interna, foi divulgado esta terça-feira, depois de um autocarro ter sido apedrejado na segunda-feira à noite na Ajuda, em Lisboa, causando dois feridos.

"A Carris vai solicitar uma audiência com caráter de urgência ao ministro da Administração Interna no seguimento do apedrejamento contra um dos seus autocarros na última noite de segunda-feira, no Bairro da Ajuda, em Lisboa", refere a empresa em comunicado.

A Carris agradeceu a "rápida intervenção" dos Bombeiros Voluntários da Ajuda e das forças de segurança.

Um autocarro da Carris foi apedrejado na Ajuda, em Lisboa, pelas 21:35 de segunda-feira, tendo os estilhaços dos vidros provocado ferimentos ligeiros em três passageiros, dois foram transportados para o Hospital de São Francisco Xavier, por precaução, esclareceu à SIC fonte da Carris.

Outros 10 passageiros foram assistidos no local vítimas de ansiedade, devido ao pânico.

O caso ocorreu perto do quartel dos Bombeiros Voluntários da Ajuda, onde o motorista do autocarro foi pedir ajuda.

A PSP está a investigar a ocorrência.

Últimas Notícias
Mais Vistos