País

Urgência pediátrica de Setúbal encerrada obriga utentes a fazer 40 quilómetros, mas há quem não consiga

Loading...

A urgência pediátrica do Hospital de Setúbal mantém-se encerrada até segunda-feira e os restantes hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo estão sob pressão.

A urgência pediátrica do Hospital de Setúbal mantém-se encerrada até segunda-feira devido à falta de médicos para cumprir as escalas.

As Câmaras de Sesimbra, Setúbal e Palmela exigem uma resposta imediata do Governo para solucionar o problema. Há utentes que têm de fazer 40 quilómetros para que os filhos sejam atendidos no serviço público.

Há pais a deslocarem-se com os filhos, mas a voltarem para trás sem serem atendidos. Uma das soluções que está a ser dada é o Hospital de Almada, mas alguns não têm como se deslocar.

Neste momento há 250 mil utentes, servidos pelo hospital de Setúbal, que estão com as respostas de saúde limitadas com a urgência pediátrica fechada e os restantes hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo sob pressão.

As três câmaras municipais exigem medidas urgentes na prestação de cuidados de saúde e alertam que, se nada for feito, a situação poderá agravar-se durante o período de Inverno.

Últimas Notícias
Mais Vistos