E se fosse consigo?

“Uma criança que tenha vivido em sofrimento e em dor continuada nunca será um adulto saudável”

“Uma criança que tenha vivido em sofrimento e em dor continuada nunca será um adulto saudável”

João Redondo, médico psiquiatra do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, considera que “uma criança que tenha vivido em sofrimento e em dor continuada nunca será um adulto saudável”. O psiquiatra cita mesmo um estudo que diz que uma pessoa que tenha sofrido mais de seis eventos traumáticos na infância pode vir a ter menos vinte anos de vida. Para João Redondo, é preciso reequacionar o tempo de se ser família. Ser família só nas férias, não chega.

  • Os tsunamis que arrasaram a Ásia em 2004 e 2011
    25:20