E se fosse consigo?

"Cada um de nós é que sabe aquilo que é, o que sente"

"Cada um de nós é que sabe aquilo que é, o que sente"

Como é que se pode obrigar alguém transexual a ser o que não sente que é, a provar quem é? Os outros têm de provar que são homens ou mulheres? Zélia Figueiredo deixa a interrogação. Para a psiquiatra, a transexualidade não é uma doença mental. Quem chega à sua consulta são pessoas que precisam de apoio. Pessoas que numa sociedade dividida entre homens e mulheres não têm espaço nem compreensão para o que estão a passar.

  • O que dizem os líderes partidários e cabeças de lista na hora de ir votar

    Europeias 2019

    O apelo ao voto é a tónica dominante em todas as declarações que pode ver e ouvir aqui.