E se fosse consigo?

“Conhecemo-nos para a fotografia, mas quando saímos à rua ninguém se conhece"

“Conhecemo-nos para a fotografia, mas quando saímos à rua ninguém se conhece"

Henrique Pinto defende que a ajuda prestada pelas organizações que trabalham com sem-abrigo é fundamental mas não chega para tirar ninguém da rua. Para o dirigente da Associação Impossible - Passionate Happenings, somos todos perfeitos desconhecidos a viver ombro a ombro e temos de recuperar o espírito da comunidade que cuida dos seus. “Conhecemo-nos para a fotografia, mas quando saímos à rua ninguém se conhece"

  • O que dizem os líderes partidários e cabeças de lista na hora de ir votar

    Europeias 2019

    O apelo ao voto é a tónica dominante em todas as declarações que pode ver e ouvir aqui.