E se fosse consigo?

E quando os pais faltarem?

E quando os pais faltarem?

Margarida e José Durães são pais de Filipe, a quem foi diagnosticada uma esquizofrenia aos 22 anos. 

Hoje, aos 47, já não anda de hospital em hospital ou fica fechado em casa. Sai todos os dias para uma instituição, mas o apoio dos pais continua a ser fundamental.

A vida do filho tornou-se a vida deles e a idade ainda lhes permite cuidar de Filipe. Mas o futuro não lhes sai do pensamento.