E se fosse consigo?

"Ter-se um animal não é um direito, é um privilégio"

"Ter-se um animal não é um direito, é um privilégio"

Hoje, no Jornal da Noite da SIC

Ter um animal de companhia cria obrigações, é preciso alimentá-lo mas também cuidar dele e dar-lhe atenção.

Obrigações que, em muitos casos, podem ajudar os donos a evitar a solidão e a sentirem diariamente que têm "um propósito".

Para o médico veterinário Nuno Paixão, essa é a boa relação. Mas também há aqueles que não têm condições para terem um animal.

  • Escolas fazem negócio com refeições
    11:40