Linhas Vermelhas

"Linhas Vermelhas": os resultados das autárquicas

Mariana Mortágua e Adolfo Mesquita Nunes comentaram as escolhas políticas dos portugueses no passado domingo.

No primeiro "Linhas Vermelhas", Mariana Mortágua e Adolfo Mesquita Nunes analisaram os resultados das autárquicas, em que o centrista se recusou a atribuir a vitória ao líder do CDS-PP, em Lisboa, e a bloquista vê António Costa como fator de derrota socialista na noite eleitoral.

Adolfo Mesquita Nunes atribui o mérito da vitória em Lisboa a Carlos Moedas, recusando, assim, atribuí-lo ao número um do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, ao mesmo tempo que destaca os fracos resultados dos centristas a nível nacional e critica a perda de terreno para o Chega e a Iniciativa Liberal.

Já Mariana Mortágua apresenta aquelas que considera ser as razões para a derrota de Fernando Medina na capital: a sua arrogância, ao considerar a eleição ganha; a presença de António Costa na campanha; e os fenómenos de composição social em Lisboa, que estão a alterar.

Veja também: