Cultura

Roger Waters vê concertos cancelados na Polónia após declarações polémicas

Roger Waters vê concertos cancelados na Polónia após declarações polémicas
Timothy Hiatt

No início de setembro, o músico escreveu uma carta polémica à primeira-dama ucraniana.

O músico inglês Roger Waters viu os dois concertos que tinha marcados em Cracóvia, na Polónia, serem cancelados depois de no início do mês ter feito declarações polémicas sobre a guerra. Nas redes sociais, o cantor acusa a autarquia polaca de “censura”.

“Correção - Roger Waters não cancelou os concertos em Cracóvia”, lê-se numa publicação na página do artista no Facebook. No longo texto, o inglês acusa o autarca da cidade polaca de não “parecer querer saber nada da história do meu trabalho, da minha vida, a custo pessoal e em serviço dos direitos humanos”.

No início de setembro, Waters enviou uma carta aberta à primeira-dama da Ucrânia, na qual culpou “nacionalistas extremistas” ucranianos por “conduzirem o país rumo a esta guerra desastrosa”. Para além disso, criticou o apoio do Ocidente à Ucrânia através do envio de armas e apelou a que Kiev cedesse em “prol da paz”.

Deputados do partido ultraconservador polaco Lei e Justiça pediram, numa proposta de resolução, a ser votada na quarta-feira, que todos aqueles que apoiarem publicamente o Kremlin sejam declarados “persona non grata”.

Últimas Notícias
Mais Vistos