Cultura

Rapper Kanye West diz que vai voltar a candidatar-se à presidência dos EUA

Rapper Kanye West diz que vai voltar a candidatar-se à presidência dos EUA
Amy Harris

A surpresa é que Kanye West está a trabalhar com o jornalista associado à extrema-direita, Milo Yiannopoulos.

O rapper norte-americano, Kanye West, anunciou que vai avançar com a candidatura à presidência dos EUA em 2024. Num vídeo, divulgado na segunda-feira, Kanye West surge ao lado do jornalista Milo Yiannopoulos e mostra aos fãs que está a trabalhar naquela que será a sua segunda campanha eleitoral.

Kanye West ou "Ye", regressou ao Twitter no domingo, depois de ter ficado com a conta bloqueada devido às polémicas declarações antissemitas. O rapper norte-americano violou as políticas da plataforma, mas estas mudaram com a entrada de Elon Musk.

No domingo, Kanye West publicou um tweet, que foi interpretado como uma ofensa à maior parte dos utilizadores. Escreveu "Shalom", numa clara alusão à polémica, uma referência hebraica que significa "olá ou adeus" e está associada à paz, harmonia e integridade.

A campanha eleitoral de Kanye West será feita em conjunto com Milo Yiannopoulos, um jornalista associado à extrema-direita. No website "Breitbart", Yiannopoulos publicou duras críticas ao Islão e ao movimento feminista. Também ele, terá sido banido do Twitter em 2016, por ter publicado mensagens alegadamente ofensivas contra uma atriz negra norte-americana.

O anúncio da candidatura de "Ye" surge a menos de uma semana da confirmação de Donald Trump, a quem tinha publicamente mostrado apoio.

Em 2020, Kanye West acabou por desistir da corrida eleitoral, por não ter reunido assinaturas suficientes para avançar com a petição.

Últimas Notícias
Mais Vistos