Desporto

A noite com Ronaldo contada pela mulher que o acusa de violação

O caso é antigo mas voltou a dar que falar depois de uma entrevista de Kathryn Mayorga à revista alemã Der Spiegel, na qual a norte-americana acusa Cristiano Ronaldo de a ter violado. O que aconteceu, afinal, nessa noite em Las Vegas?

O processo data de 13 de julho de 2009. Foi nesse verão que Ronaldo conheceu Kathryn Mayorga, numa discoteca em Las Vegas, no estado norte-americano do Nevada.

De acordo com o documento, o futebolista português, na altura com 24 anos, convidou duas mulheres para a penthouse do hotel em que estava hospedado. Lá, convidou ambas para entrarem no jacuzzi mas Kathryn, então com 25 anos, rejeitou fazê-lo para não estragar o vestido. Ronaldo contrapôs, sugerindo-lhe que usasse uns calções e uma t-shirt.

Instagram

Cristiano Ronaldo e Kathryn Mayorga mantiveram depois relações sexuais, uma informação que ambos confirmam. Todavia, segundo Kathryn, houve um momento em que Ronaldo a forçou a uma prática sexual, contra a sua vontade.

Segundo o processo, a professora, agora com 34 anos, alega também que Ronaldo se aproveitou do frágil estado emocional em que se encontrava para assinar um acordo, avaliado em mais de 320 mil euros, para que mantivesse o silêncio.

Instagram

A queixa agora apresentada por Kathryn tenta anular os termos deste acordo e explica que não referiu o nome de Ronaldo na altura por receio das repercussões.

De acordo com o documento, quando a professora fez queixa às autoridades, fez também um exame médico para apurar se tinha sido vítima de abuso sexual. A polícia de Las Vegas diz agora que o ADN do kit que foi usado ainda pode ser analisado.

(Instagram)

(Instagram)

O caso foi revelado pelo portal Football Leaks no ano passado e voltou a ganhar notoriedade depois da entrevista dada por Kathryn à revista alemã Der Spiegel.

Na primeira reação pública ao caso, através das redes sociais, Ronaldo negou todas as acusações e disse que tudo não passa de uma tentativa de aproveitamento da fama que tem:

Já os advogados de CR7 consideram a entrevista de Kathryn "ilegal" e garantem que vão apresentar queixa contra a revista alemã.

Quem também não tardou a reagir foi a namorada do futebolista português, Georgina Rodríguez, que manifestou o apoio a Ronaldo através de uma publicação no Instagram:

Instagram

A polícia de Las Vegas já confirmou a reabertura da investigação, pelo que o caso deverá conhecer novos desenvolvimentos nos próximos meses.

  • "Jorge Jesus não vai continuar no Flamengo"
    2:38