Desporto

Ataque à Academia de Alcochete: procuradora pede revisão das medidas de coação de 4 arguidos

M\303\201RIO CRUZ

Começou esta quarta-feira o debate instrutório do processo do ataque à Academia de Alcochete.

A procuradora do Ministério Público, Cândida Vilar, pediu que pelo menos quatro arguidos passem de prisão preventiva a domiciliária.

O debate, que ainda decorre, fica ainda marcado pelo pedido de nulidade das provas feito por 15 advogados.

Durante a sessão de hoje, houve vários momentos de tensão. Um deles protagonizado pelo arguido Elton Camara que foi expulso da sala de audiências depois de se ter exaltado.

Já o ex-presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, foi chamado à atenção depois de ter feito comentários durante uma intervenção da procuradora.

O debate instrutório vai decidir se o processo segue para julgamento. Existem 44 arguidos, 35 em prisão preventiva.

  • O Super Bock Super Rock também se canta em português
    2:38