Desporto

"O populismo racista do André Ventura apenas serve para virar homens contra homens"

JOS\303\211 SENA GOUL\303\203O

Ricardo Quaresma publica mensagem nas redes sociais sobre racismo.

"Triste de quem tenta ser alguém na vida atirando os homens uns contra os outros. Triste de quem se ajoelha só para ficar bem na fotografia, para enganar os outros e parecer um homem de bem aos olhos do povo", lê-se no texto do jogador português.

Ricarado Quaresma diz ainda que já participou em várias campanhas de apelo contra o racismo, não porque parece bem mas porque acredita que somos todos iguais e todos merecemos na vida as mesmas oportunidades independentemente do berço em que nascemos.

No texto, acompanhado por uma uma foto com a frase "Todos diferentes. Todos iguais, Quaresma vai mais longe na crítica ao escrever: "O populismo racista do André Ventura apenas serve para virar homens contra homens em nome de uma ambição pelo poder que a história já provou ser um caminho de perdição para a humanidade".

O jogador deixa ainda um aviso aos seguidores. "Olhos abertos amigos, o populismo diz sempre que é simples marcar golo mas na verdade marcar um golo exige muita tática e técnica. Olhos abertos amigos, o racismo apenas serve para criar guerras entre os homens em que apenas quem as provoca é que ganha algo com isso. Olhos abertos amigos, a nossa vida é demasiado preciosa para ouvirmos vozes de burros...isto se queremos chegar ao céu".