Desporto

Está resolvida a polémica que marcou a pausa de verão na Fórmula 1

Está resolvida a polémica que marcou a pausa de verão na Fórmula 1
Mark Thompson
Federação Internacional do Automóvel anunciou decisão esta sexta-feira.

A escuderia McLaren confirmou esta sexta-feira a contratação do piloto australiano Oscar Piastri por duas temporadas, a partir de 2023, para substituir o compatriota Daniel Ricciardo.

“A McLaren assinou com o campeão de Fórmula 2, Oscar Piastri, um contrato multianual para ser o parceiro de Lando Norris no Mundial de Fórmula 1 a partir da época de 2023”.

A contratação foi divulgada depois de a Federação Internacional do Automóvel (FIA) ter divulgado a decisão da Comissão de Reconhecimento de Contratos, tomada por unanimidade, em que foi reconhecido que "o único contrato válido do piloto é com a McLaren".

Esta decisão surge na sequência da contestação da Alpine, que chegou mesmo a anunciar Piastri como seu piloto titular a partir de 2023, anúncio prontamente desmentido pelo piloto de 21 anos nas redes sociais.

"Estou muito entusiasmado por fazer a minha estreia na F1 com uma equipa de tanto prestígio como é a McLaren, a quem agradeço a oportunidade que me foi dada", frisou o piloto australiano.

Piastri mostrou-se, ainda, "ansioso por trabalhar com Lando [Norris]", de quem será companheiro de equipa.

O piloto australiano, natural de Melbourne, será rookie na classe rainha do automobilismo, depois de vencer o campeonato de Fórmula 2 em 2021, a Fórmula Renault Eurocup em 2019 e o campeonato de Fórmula 3 em 2020.

Últimas Notícias
Mais Vistos