Economia

Ministro das Infraestruturas diz que pilotos da TAP recebem até 240 mil euros por ano 

Pedro Nuno Santos garante que os salários dos pilotos da TAP são mais altos do que noutras companhias aéreas europeias, como a espanhola Ibéria. 

O governo tem insistido na ideia de que os pilotos na TAP ganham mais do que noutras companhias aéreas europeias.

Na sexta-feira à noite, na SIC Notícias, o ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, dava até o exemplo da Ibéria e da Air Europa e falava em diferenças percentuais que variavam entre os 15% e os 85%. E deu alguns números mais concretos: um oficial piloto com um ano de operação ganha 84 mil euros brutos por ano; um oficial piloto com 10 anos pode ganhar 150 mil euros; um comandante de 10 anos do modelo A320 pode ganhar 185 mil euros por ano; um comandante da TAP com 20 anos do A320 ganha 241 mil euros por ano; e um comandante com 30 anos para o A320 pode ter uma remuneração total de 260 mil euros anuais.

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) garante que não é verdade, que os pilotos na TAP ganham menos do que nas companhias aéreas referidas pelo ministro das Infraestruturas e da Habitação.

  • A árdua experiência com a sustentabilidade 

    Mundo

    E se alguém lhe dissesse que passaria a viver num quarto, com eletricidade apenas para pequenos utensílios domésticos, sem aquecimento central, ar condicionado ou água quente. Teria apenas três conjuntos de roupa, sem máquina de lavar ou secar, faria dieta local sem produtos de origem animal e não andaria de automóvel nem de avião?

    Opinião

    João Abegão