Economia

O desafio do hidrogénio verde. Empresa portuguesa lidera tecnologia e exporta equipamentos

A Comissão Europeia considera que o hidrogénio verde é essencial para concretizar o Pacto Ecológico Europeu.

A aposta no hidrogénio verde tem sido anunciada pelo Governo português e pela Comissão Europeia como o grande desígnio para os próximos anos. Em Portugal, já há uma pequena empresa que lidera a tecnologia e exporta equipamentos.

A primeira unidade de produção de hidrogénio para veículos criada pela empresa portuguesa Ultimate Power estava, no final do ano passado, a ser finalizada para seguir para o cliente, nos Estados Unidos da América. A empresa garante que a unidade já está instalada e a funcionar.

O hidrogénio é um elemento químico gasoso sem cheiro, cor ou sabor. É usado na indústria, há anos, embora mais de 90% seja ainda produzido a partir de combustíveis fósseis.

Fala-se agora muito do hidrogénio verde, que resulta da eletrólise através de fontes renováveis. A eletrólise da água é a decomposição do H2O em hidrogénio e oxigénio.

A Comissão Europeia já disse que o hidrogénio é essencial para concretizar o Pacto Ecológico Europeu, que é a resposta da Europa ao desafio das alterações climáticas.