Economia

TAP. "É impossível gastar mais dinheiro nesta companhia. Os sindicatos têm de abrir os olhos" 

A análise de José Gomes Ferreira às últimas notícias sobre a TAP e à denúncia do Bloco de Esquerda sobre a venda de seis barragens, que diz ser um "negócio de Estado escandaloso".

José Gomes Ferreira considera que os sindicatos, que adiaram a votação do acordo, precisam de "abrir os olhos para a realidade" e perceber que "é impossível gastar mais dinheiro" na TAP, para além dos 2 mil milhões já anunciados pelo Governo.

"Estamos a falar de uma verba que é quase tanta como a que tem sido gasta pelo Governo no combate à pandemia em Portugal, só para uma companhia"

Na Edição das Sete, da SIC Notícias, José Gomes Ferreira fala ainda sobre a denúncia do Bloco de Esquerda, que acusa o Governo de ser cúmplice num esquema da EDP para fugir ao pagamento de 110 milhões de euros em impostos, na venda de seis barragens.

"É um negócio de Estado escandaloso"