Economia

Autoeuropa retoma produção após uma semana de paragem forçada

JOSE SENA GOULAO

A falta de semicondutores obrigou ao cancelamento de todos os turnos.

A Autoeuropa retoma a produção de automóveis esta segunda-feira. A paragem forçada durante uma semana deveu-se à falta de semicondutores.

A fábrica, localizada em Palmela, garante que esta suspensão temporária – que levou ao cancelamento de todos os turnos entre 22 e 28 de março – terá provocado uma perda de 5.700 automóveis.

No final do ano passado, o Grupo Volkswagen já tinha criado uma task force para minimizar o impacto da escassez global de semicondutores nas fábricas. Um problema que, dizem, já existe há algum tempo.