Economia

TAP. Diretor de operações de voo terá saído do cargo devido a perda de confiança na administração 

Trabalhadores confirmam saída, mas desconhecem motivo.  

O diretor de operações de voo da TAP cessou funções com a companhia por alegadamente não concordar com a reestruturação da empresa.

A comissão de trabalhadores confirma a saída, mas desconhece os motivos.

Antes de cessar funções, há duas semanas, Carlos Damásio terá enviado uma mensagem interna, dando conta de várias preocupações na estratégia adotada pela companhia aérea.

Em resposta à SIC, a TAP esclarece que a avaliação e gestão de riscos não tem qualquer relação com a saída do anterior diretor de operações de voo, e garante que a segurança das pessoas e equipamentos está assegurada.