Economia

Administração do Novo Banco vai receber bónus de 1,86 milhões de euros

Pedro Nunes

Valor vai ser pago no final do ano.

A administração do Novo Banco vai receber um bónus de 1,86 milhões de euros. O valor é referente a 2020, ano em que o banco registou prejuízos de 1.329 milhões de euros.

O jornal ECO diz que a quantia só poderá ser paga depois do final do ano, depois de concluída a restruturação.

Recorde-se que a administração do Novo Banco está impedida, devido aos compromissos com Bruxelas, de receber prémios e bónus até 2021, mas pode atribuí-los. Foi isso que também aconteceu em 2019, quando foram atribuídos prémios no valor de quase dois milhões de euros.

O governador do Banco de Portugal já disse não ver com bons olhos esta prática, uma vez que o Estado tem feito sucessivas injeções de capital no Novo Banco.

  • Colin Powell: o último republicano moderado

    Mundo

    Serviu os últimos três Presidentes republicanos pré-Trump (Reagan, Bush pai, Bush filho) e ajudou a moldar a política externa da direita clássica na viragem do século. A partir de Obama, apoiou sempre os democratas, numa sólida barragem ao populismo demagógico, que sempre recusou. Era patriota, bravo, mas sempre racional. Vai fazer muita falta.

    Opinião

    Germano Almeida