Economia

Estado arrecadou 36 milhões de euros de receitas com multas de trânsito

Nos primeiros 5 meses do ano, o Estado amealhou mais 22% de receitas por multas do que em 2020.

Só nos primeiros cinco meses do ano, o Estado amealhou 36 milhões de euros em receitas com multas de trânsito.

Apesar de ter havido menos circulação nas estradas e de uma redução nas infrações em comparação com 2020, este ano o Governo já atingiu 40% do objetivo estabelecido para as receitas por multas para o Orçamento do Estado.

Segundo o Relatório de Sinistralidade, Fiscalização e Contraordenações da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), este ano foram fiscalizados menos 5,8% dos veículos do que em 2020.

O relatório refere também que foram fiscalizados 36,2 milhões de veículos, quer presencialmente, quer através de meios de fiscalização automática, tendo-se verificado uma diminuição de 5,8% em relação ao mesmo período de 2020.

Nestas ações foram detetadas 356,6 mil infrações, o que representa uma diminuição de 21,2% face ao período homólogo do ano anterior. A taxa de infração (número total de infrações /total veículos fiscalizados) foi de 0,99%, uma redução de 16,4% face à taxa de 1,18% registada em 2020.

O documento explica que durante esse período houve menos circulação nas estradas, motivado pelo confinamento e pelas medidas de contenção da pandemia.

Ainda que com menos carros na estrada, o Estado amealhou nestes primeiros 5 meses mais 22% das receitas por multas do que em 2020.