Economia

TAP vai recorrer ao tribunal para definir serviços mínimos para a greve

TAP vai recorrer ao tribunal para definir serviços mínimos para a greve
Armando Franca

Paralisação prevista para os dias 8 e 9 de dezembro.

A TAP vai recorrer ao Tribunal Arbitral para definir serviços mínimos para a greve de dias 8 e 9 de dezembro para que sejam definidos quantos voos terão de ser garantidos.

Os tripulantes de cabine da TAP vão fazer greve na quinta e sexta-feira e a companhia cancelou 360 voos programados para esses dois dias, estimando uma perda de oito milhões de euros.

Os cancelamentos vão afetar cerca de 50 mil passageiros, mas a TAP informou que poderão remarcar as datas dos seus voos entre os dias 28 de novembro e 19 de dezembro sem custos.

Até dia 6 de dezembro, data para a qual está agendada nova Assembleia-Geral, o sindicato vai tentar chegar a um acordo com a companhia aérea. Os tripulantes exigem a reposição dos salários e das regalias que perderam com a reestruturação da empresa.

Últimas Notícias
Mais Vistos