Eleições Autárquicas

Rui Moreira apresenta recandidatura à Câmara do Porto para terceiro e último mandato

Concorre como independente. Tem o apoio do CDS e da Iniciativa Liberal.

Rui Moreira apresentou esta quinta-feira à tarde a recandidatura para um terceiro e último mandato à frente da Câmara do Porto. Diz que está preparado para as perseguições e dissabores que a campanha lhe possa trazer.

Volta ao mesmo palco onde há quatro anos apresentou a recandidatura para o segundo mandato para anunciar aquilo que durante meses foi tabu, mas que afinal esteve sempre em cima da mesa.

Há um mês, com a voz embargada, Rui Moreira garantia aos jornalistas que a decisão instrutória do caso Selminho de o levar a julgamento por prevaricação não ia interferir na decisão de avançar, mas a campanha já está marcada pelo caso que pode levar à perda de mandato.

O presidente recandidato garante estar pronto para a luta em tribunal e, principalmente, para a batalha que terá travar na rua.

Nos últimos dias, Rui Moreira foi acusado pelo PSD de utilizar meios da autarquia para promover a candidatura. Vladimiro Feliz, candidato social-democrata, apresentou mesmo uma queixa à Comissão Nacional de Eleições e diz que falta um pedido de desculpas.

Concorre como independente para um terceiro e último mandato. Tem o apoio do CDS e da Iniciativa Liberal.