Coronavírus

FESAP cancela ações de protesto marcadas para março

FESAP

Federação "ajusta protestos por força da epidemia de Covid-19".

Especial Coronavírus

A FESAP decidiu hoje suspender o protesto agendado para 20 de março devido ao novo coronavírus.

Em comunicado enviado às redações, a federação comunica:

"Será retirado o pré-aviso de Greve que havia sido emitido tendo em vista possibilitar aos trabalhadores da Administração Pública participarem nos plenários que estavam previstos para o dia 20 de março".

Estão também suspensas as ações que estavam previstas para o dia 19 de março.

Além disso, a FESAP coloca a possibilidade de não realizar as comemorações do 1º de Maio.

SIGA AO MINUTO AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE O SURTO DE COVID-19

Veja também:

  • Um Presidente sem tempo a perder

    Opinião

    Donald Trump foi o pior Presidente dos EUA em 90 anos. Joe Biden tem o maior desafio do último século americano - mas está, nestes primeiros dias, a mostrar que pode estar à altura do que a maioria clara lhe pede.

    Germano Almeida