Coronavírus

Reclusos do Estabelecimento Prisional de Alcoentre em protesto

Reclusos da prisão de Alcoentre manifestaram-se contra a falta de proteção contra a Covid-19 nas cadeias.

Especial Coronavírus

Depois da promessa da ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, feita domingo à noite na SIC, os reclusos esperavam que os guardas dos estabelecimentos prisionais iniciassem os primeiros turnos da manhã já com as máscaras de proteção.

A SIC sabe que tal não aconteceu no Estabelecimento Prisional de Alcoentre e os reclusos recusaram tomar o pequeno-almoço em protesto.

Preocupados com a entrada do vírus nas cadeias, reclusos e guardas prisionais temem que a doença se propague rapidamente.

O Governo garante que os guardas prisionais vão começar a fazer testes à Covid-19 esta semana e alguns reclusos podem ser libertados ou cumprir o resto da pena em prisão domiciliária.

Em Portugal, existem 12.700 reclusos.