Coronavírus

Núcleos do Sporting vão ajudar população do grupo de risco

Pedro Nunes

Iniciativa vai apoiar a população na compra de bens essenciais entregando-os em casa.

Especial Coronavírus

Os núcleos do Sporting espalhados por Portugal estão a partir de hoje disponíveis para ajudar as pessoas mais vulneráveis nas respetivas zonas, com compra de bens e deslocações a farmácias, devido à pandemia de Covid-19, anunciou o clube.

"Com o objetivo de garantir a segurança dos mais vulneráveis (pessoas pertencentes a grupos de risco), os núcleos do Sporting disponibilizam-se para fazer a compra de bens de supermercado e de farmácia e efetuar a respetiva entrega em casa. Para isso, basta entrar em contacto com o núcleo mais próximo da área residência. Juntos podemos fazer a diferença.", explicou o emblema de Alvalade, em comunicado.

A campanha chama-se "Fica em casa, nós fazemos por ti" e inclui 34 núcleos do Sporting existentes no norte, centro e sul do país, com o Sporting a disponibilizar o contacto de cada núcleo para quem necessite de algum tipo de auxílio.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, já infetou mais de 1,2 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 70 mil. Dos casos de infeção, mais de 240 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 311 mortes, mais 16 do que na véspera (+5,4%), e 11.730 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 452 em relação a domingo (+4%). Dos infetados, 1.099 estão internados, 270 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 140 doentes que já recuperaram.