Coronavírus

Covid-19: Trump suspende financiamento à OMS 

Stefani Reynolds / POOL

Presidente dos EUA diz que a OMS promoveu "desinformação" sobre o coronavírus.

Saiba mais...

O Presidente dos Estados Unidos anunciou esta terça-feira que vai suspender o financiamento à Organização Mundial de Saúde. Donald Trump acusa a organização de falhas na forma como lidou com a pandemia de Covid-19.

"Ordeno a suspensão do financiamento para a Organização Mundial da Saúde enquanto estiver a ser conduzido um estudo para examinar o papel da OMS na má gestão e ocultação da disseminação do novo coronavírus", disse.

Há uma semana, Trump tinha ameaçado suspender as contribuições à Organização Mundial de Saúde. “Pagámos a maior fatia do dinheiro que a OMS tem e têm estado enganados sobre uma série de coisas”, disse na altura.

Em declarações aos jornalistas, Donald Trump acusou a instituição de favorecer a China e de não ter percebido mais cedo como é que a pandemia da Covid-19 se iria desenvolver a nível global.

O coronavírus já matou 123.920 pessoas e infetou quase dois milhões em todo o mundo desde dezembro. Os países com mais óbitos nas últimas 24 horas são os Estados Unidos, com 1.802 novas mortes, o Reino Unido (778) e a França (762).

Os Estados Unidos, que registaram sua primeira morte ligada ao coronavírus no final de fevereiro, são atualmente o país mais afetado em termos de número de mortes e casos, com 24.737 mortes para 592.743 casos.

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia