Coronavírus

Decretada quarentena obrigatória de 14 dias a estrangeiros que entrem em Espanha

Nacho Doce

A medida entra em vigor esta sexta-feira.

Especial Coronavírus

Espanha decretou quarentena obrigatória de 14 dias a todos os estrangeiros que entrem no país, a partir da próxima sexta-feira, de acordo com uma ordem do Ministério da Saúde publicada esta terça-feira, no o boletim oficial do Estado.

Qualquer pessoa de outro país que entre em Espanha deve permanecer em casa ou num hotel e só pode sair em situações específicas, como a compra de alimentos, medicamentos ou casos de força maior, saídas nas quais o uso da máscara de proteção é obrigatório.

Por outro lado, o Ministério do Interior decretou o restabelecimento do controlo nas fronteiras aéreas e marítimas internas: apenas os espanhóis, os residentes em Espanha, os trabalhadores transfronteiriços, os diplomatas e causas de força maior podem entrar no país.

Os trabalhadores transfronteiriços, os dos transportes e suas tripulações, bem como os profissionais de saúde que vão exercer a sua atividade laboral, ficam isentos desta medida, desde que não tenham estado em contacto com pessoas diagnosticadas com Covid-19.

As autoridades sanitárias também poderão contactar as pessoas em quarentena para realizarem o seguimento do seu estado de saúde e pedem que, em caso de sintomas como febre, tosse, dificuldade em respirar, mal-estar geral ou outros sintomas suspeitos de infeção pelo novo coronavírus, contactem os serviços de saúde por telefone.