Coronavírus

Marcelo diz que não há nada a apontar ao Governo na gestão da pandemia 

Presidente da República elogia opções do Executivo.  

Especial Coronavírus

Marcelo Rebelo de Sousa diz que não tem nada a apontar ao Governo na gestão da pandemia do novo coronavírus.

O Presidente da República considera que o plano de estabilização económica e social é "um exercício muito difícil" por se desconhecerem os apoios que vão chegar de Bruxelas.

Marcelo diz ainda não acreditar nas previsões de que o PIB pode cair entre 7,5% e 11,8%, porque o Conselho de Finanças Públicas não teve em conta o impacto positivo das medidas europeias que, entretanto, serão aprovadas.