Coronavírus

Covid-19: Autoridades de saúde registam 3.556 profissionais de saúde infetados

RAFAEL MARCHANTE

Comparativamente aos últimos dados divulgados, há mais 198 profissionais de saúde recuperados da doença.

Especial Coronavírus

As autoridades de saúde registam 3.556 profissionais de saúde infetados com o novo coronavírus, responsável pela doença covid-19, entre os quais 1.154 enfermeiros e 505 médicos, revelou esta sexta-feira a secretária de Estado Adjunta e da Saúde, Jamila Madeira.

Os dados mais recentes foram avançados durante a habitual conferência de imprensa de atualização de dados sobre a pandemia em Portugal.

Entre os profissionais de saúde infetados, estão também 1059 assistentes operacionais, 166 assistentes técnicos e 108 técnicos superiores de diagnostico e terapêutica.

Jamila Madeira adiantou ainda que, comparativamente aos últimos dados divulgados, há mais 198 profissionais de saúde recuperados da doença.

"A todos eles e a todos os profissionais de saúde reiteramos a nossa mensagem de reconhecimento e gratidão", sublinhou a secretária de Estado, que agradeceu aos profissionais "pelo seu esforço, dedicação e profissionalismo que imprimem ao Serviço Nacional de Saúde".

No elogio que prestou aos profissionais de saúde, Jamila Madeira considerou que o seu trabalho permitiu responder à situação de pandemia, salvar muitas vidas, e evitar que a covid-19 tivesse "efeitos ainda piores para o nosso país".

A secretária de Estado aproveitou também para elogiar o esforço dos portugueses durante a pandemia da covid-19, considerando que o país se ajustou bem a "circunstâncias singulares", mesmo durante as festividades que marcaram este período, como a Páscoa, o 25 de Abril, o 1.º de Maio ou o 13 de Maio.

"Soubemos, em todos estes momentos, como comunidade, compreender que este é um momento atípico e que justifica, apesar de a evolução ser positiva, ser vivido com prudência e cautela no que chamamos de nova normalidade", ressalvou a secretária de Estado.

Portugal regista mais de 1.500 mortes

Portugal regista esta sexta-feira 1.505 mortes relacionadas com a covid-19, mais um do que na quinta-feira, e 36.180 infetados, mais 270, segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde.

Em comparação com os dados de quinta-feira, em que se registavam 1.504 mortes, hoje constatou-se um aumento de óbitos de 0,1%. Já os casos e infeção subiram cerca de 0,8%.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo (14.407 casos), onde se tem registado maior número de surtos, há mais 246 casos de infeção do que na quinta-feira.