Coronavírus

Rússia anuncia que vai registar uma nova vacina contra a Covid-19

Regulador europeu do medicamento em conversações com dezenas de fabricantes.

Especial Coronavírus

O regulador europeu do medicamento está em contacto com vários fabricantes de potenciais vacinas contra a Covid-19, numa altura em que a Europa assiste a uma segunda vaga de infeções.

A Rússia voltou a atingir um novo máximo diário desde meados de julho e anunciou mais uma vacina. Confiante na nova vacina Sputinik V, Moscovo vai arcar com parte da responsabilidade legal se houver imprevistos em vez de exigir que os compradores assumam o risco total e já anunciou que se prepara para registar, a 15 de outubro, uma nova vacina. Desenvolvida pelo Instituto Vector, da Sibéria, terminou nos testes em humanos na semana passada.

Em França, faltam camas para o elevado número de doentes e sobra o cansaço dos profissionais que ainda não recuperaram da primeira vaga.

No Kosovo, os hospitais preparam-se para uma segunda vaga. Isto apesar do número de casos ter vindo a diminuir, devido às restrições que voltaram a ser impostas com o aumento em julho e agosto.

VEJA MAIS NO ESPECIAL NOVO CORONAVÍRUS

As notícias mais recentes em https://sicnoticias.pt/ultimas