Coronavírus

Natal em família e máscara na rua. Os avisos de Marcelo 

Presidente da República diz que Natal em família pode ter de ser repensado.  

Especial Coronavírus

O uso de máscara na rua quando há cruzamento de pessoas pode passar a ser obrigatório.

O aviso foi deixado esta sexta-feira pelo Presidente da República, antes do Conselho de Ministros que vai reavaliar as medidas de contingência depois do aumento de contágios do novo coronavírus nos últimos dias.

Marcelo Rebelo de Sousa diz que até o Natal em família deverá ser repensado.

Para os céticos, o chefe de Estado lembra que o agravamento não é só em Portugal, mas também na Europa. Diz que o país não pode voltar a parar e é preciso travar os contágios.

"É um sinal de alerta". Governo preocupado com indicadores da Covid

A ministra da Saúde, Marta Temido, disse esta sexta-feira, na habitual conferência de imprensa sobre a situação do combate ao novo coronavírus em Portugal, que os indicadores sobre a Covid-19 são preocupantes.

Marta Temido revelou que, só no dia 7 de outubro, dos cerca de 28 mil testes à Covid, 8% foram positivos.

MAIS 12 MORTES E 1.394 CASOS DE COVID-19 EM PORTUGAL NAS ÚLTIMAS 24 HORAS

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou no boletim diário desta sexta-feira que há um total de 2.062 mortes e 83.928 casos de covid-19 em Portugal desde o início da pandemia.

O número de mortes subiu de 2.050 para 2.062, mais 12 do que na quinta-feira - 8 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 3 na região Norte, 1 no Centro.

Já o número de infetados aumentou de 82.534 para 83.928, mais 1.394. Este é o segundo maior número de casos de infeção. O maior foi em 10 de abril, com 1.516.