Coronavírus

Como estão os habitantes e comerciantes de Vale do Sousa a reagir às novas medidas implementadas?

Carlos Morais

Carlos Morais

Repórter de Imagem

António Soares

António Soares

Edição de Imagem

A partir da meia-noite de sexta-feira que a população de Felgueiras, Lousada e Paços de Ferreira tem o dever de permanência no domicílio.

Especial Coronavírus

Os concelhos de Felgueiras, Lousada e Paços de Ferreira, que têm registado um aumento significativo do número de casos de Covid-19, têm a partir da meia-noite de sexta-feira novas limitações.

A população passa a ter o dever de permanência no domicílio, à excepção de quem trabalhe ou tenha de frequentar escolas.

Nos três concelhos ficam também em vigor a proibição de quaisquer celebrações e eventos com mais de cinco pessoas (salvo se pertencerem ao mesmo agregado familiar), bem como a obrigatoriedade de os estabelecimentos encerrarem às 22:00, com algumas exceções.

Ficou ainda definido o teletrabalho obrigatório para todas as funções que o permitam, independentemente do vínculo laboral.

Habitantes e comerciantes concordam com as limitações anunciadas pelo Governo, mas temem o impacto das medidas na economia local.

LEIA AQUI NA ÍNTEGRA O COMUNICADO DO CONSELHO DE MINISTROS

Veja também: