Coronavírus

Combate à pandemia já custou 195 milhões de euros às autarquias

Associação Nacional de Municípios defende que as autarquias sejam ressarcidas pelo esforço financeiro realizado.

Especial Coronavírus

As autarquias gastaram mais de 195 milhões de euros no combate à Covid-19, avançou esta quinta-feira, no parlamento, o presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP). Manuel Machado acredita que este valor tenderá a crescer mais.

“A pandemia surpreendeu-nos e tem uma durabilidade e um impacto muito mais grave do que aquilo que qualquer um de nós – permita-me que o diga – antevia em março de 2020”, disse Manuel Machado na audição do parlamento.

O presidente da ANMP defende que as autarquias sejam ressarcidas pelo esforço financeiro que têm efetuado, mas afirma que não vê esse apoio refletido no Orçamento do Estado para 2021. Essa falta poderá levar as autarquias a dar um parecer negativo ao documento.

“Tememos que se a lei do OE não compreender esta realidade que isto possa derivar no primeiro défice orçamental dos municípios praticamente em 12 anos”, acrescentou o autarca de Coimbra.

A ANMP lamenta que a Lei das Finanças Locais não esteja a ser cumprida, desde logo pelo incumprimento de 51 milhões de euros no cálculo do Fundo Social Municipal.

Veja também: