Coronavírus

Empresas de distribuição dirigem carta aberta a António Costa

Associação que representa o setor alerta para custos incalculáveis. 

Especial Coronavírus

As empresas de distribuição estão contra a limitação de horários imposta pelo Governo.
Numa carta aberta a António Costa, Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição, que representa o setor de retalho, alerta para custos incalculáveis de medidas que acabam por potenciar maiores concentrações em espaços comerciais.