Coronavírus

Portugal com mais 87 mortes e 3.834 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Pedro Nunes

Último balanço da Direção-geral da Saúde.

Saiba mais...

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 3.834 casos de infeção e mais 87 mortes associadas à doença covid-19, segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde deste domingo.

Desde o início da pandemia morreram em Portugal 4.963 pessoas dos 322.474 casos de infeção confirmados.

Há menos três doentes internados nas Unidades de Cuidados Intensivos, totalizando 514. Em relação aos internamentos em enfermaria, há mais 39 pessoas internadas, totalizando agora 3.268

A DGS refere também que as autoridades de saúde têm em vigilância 77.420 contactos, mais 223 em relação a sábado, e que foram dados como recuperados mais 2.852 doentes, num total acumulado de 243.055 desde o início da pandemia.

Infeções por região

Das 87 mortes registadas nas últimas 24 horas, 50 ocorreram na região Norte, 21 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 14 na região Centro e duas no Alentejo.

Segundo o boletim da DGS, a região Norte é a que regista o maior número de novas infeções por SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas (2.258), totalizando 169.721 casos e 2.393 mortes desde março.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados 773 novos casos, contabilizando-se até agora 105.221 casos de infeção e 1.727 mortes.

Na região Centro registaram-se mais 500 casos de covid-19, num total de 32.862, e 643 mortos desde março.Já no Alentejo, foram assinalados mais 215 casos, totalizando 6.858 casos e 125 mortos desde que começou a epidemia em Portugal.

A região do Algarve tem hoje notificados 62 novos casos, somando 5.679 casos e 55 mortos.Na Região Autónoma dos Açores foram registados 22 novos casos nas últimas 24 horas, somando 1.171 infeções detetadas e 18 mortos desde o início da pandemia.

A Madeira registou quatro novos casos. Desde março, a região autónoma contabiliza 962 infeções e dois óbitos.Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

Lista de concelhos com risco extremamente elevado e muito elevado passa de 127 para 113

A lista de concelhos com risco extremamente elevado e muito elevado passa de 127 para 113 municípios, mantendo a proibição de circulação na via pública a partir das 13:00 nos próximos dois fins de semana, avançou este sábado o Governo.

Integrando apenas o território continental português, a atualização da lista de distribuição de concelhos por nível de risco entra em vigor a partir de quarta-feira e até 23 de dezembro, no âmbito do novo estado de emergência para responder à pandemia da covid-19.

CONCELHOS EM "RISCO EXTREMAMENTE ELEVADO"

Armamar Mondim de Basto
Barcelos Nisa
Belmonte Paços de Ferreira
Braga Paredes
Cabeceiras de Basto Penafiel
Portalegre
Chaves Póvoa de Lanhoso
Espinho Póvoa de Varzim
Esposende Santa Maria da Feira
Fafe Santo Tirso
Felgueiras São João da Madeira
Freixo de Espada à Cinta Trofa
Gavião Valença
Guimarães Valpaços
Lousada Vieira do Minho
Macedo de Cavaleiros Vila do Conde
Marvão Vila Nova de Famalicão
Miranda do Corvo Vizela

CONCELHOS EM NÍVEL DE "RISCO MUITO ELEVADO"

Águeda Chamusca Oliveira do Bairro
Aguiar da Beira Cinfães Ovar
Alandroal Condeixa-a-Nova Pampilhosa da Serra
Albergaria-a-Velha Covilhã Penacova
Alcanena Crato Ponte da Barca
Alfândega da Fé Cuba Ponte de Lima
Alijó Estarreja Porto
Almada Figueira da Foz Rio Maior
Amarante Gondomar Sabugal
Amares Gouveia Sardoal
Anadia Guarda Sátão
Ansião Ílhavo Seia
Arcos de Valdevez Lamego Serpa
Arouca Lisboa Soure
Aveiro Loures Tarouca
Azambuja Maia Torre de Moncorvo
Baião Manteigas Torres Vedras
Barreiro Marco de Canaveses Vale de Cambra
Boticas Matosinhos Valongo
Bragança Miranda do Douro Viana do Castelo
Caminha Mirandela Vila Nova de Gaia
Cantanhede Mortágua Vila Nova de Paiva
Cartaxo Mourão Vila Pouca de Aguiar
Castelo Branco Murça Vila Real
Castelo de Paiva Murtosa Vila Verde
Celorico de Basto Oliveira de Azeméis Vimioso