Coronavírus

Vacina da AstraZeneca. Casos de coágulos no sangue são "cerca de 40 em 17 milhões de pessoas vacinadas"

Vários países europeus suspenderam a vacina da AstraZeneca contra a covid-19.

Margarida Saraiva, presidente da Sociedade Portuguesa de Imunologia, em entrevista à SIC Notícias, refere que os casos reportados de formação de coágulos no sangue em pessoas que receberam a vacina da AstraZeneca são "cerca de 40 casos em cerca de 17 milhões de pessoas vacinadas", ou seja "a proporção é muito baixa", tratando-se por isso de um evento raro.

A presidente da Sociedade Portuguesa de Imunologia pede por isso cautela, porque "não existe prova que tenha havido uma relação causa efeito entre o facto deste indivíduos terem tomado a vacina da AstraZeneca e terem tido os problemas referidos".

"Temos de aguardar pelos estudos que estão a ser feitos, nomeadamente a avaliação da Agência Europeia do Medicamento."