Coronavírus

Fim do estado de emergência. Governo diz ter acertado nas medidas que antecederam a Páscoa

Parlamento debateu o relatório do estado de emergência que esteve em vigor de 17 a 31 de março.

Saiba mais...

Entre 17 a 31 de março, Portugal entrava na primeira fase de desconfinamento: as primeiras escolas reabriam, ainda com restaurantes a funcionar apenas a take away e com restrições à circulação no fim de semana.

O Governo diz ter acertado nas medidas que antecederam a Páscoa.

"Estavámos certos. Presidente da República, Assembleia da República e Governo ao declarar este conjunto de medidas e o Governo ao executá-las", disse Eduardo Cabrita esta quarta-feira.

Prova do caminho certo, diz também o Governo, foi a decisão do Presidente da República em não voltar a propor a renovação do estado de emergência que teve na reta final os votos a favor do PS, PSD, CDS e PAN e a abstenção do Bloco de Esquerda.

Os 5 partidos que viabilizaram as renovações, assim como os que votaram contra, estão satisfeitos com o fim do estado de emergência e apontam agora para o futuro.

Veja também:

  • 2:55