Coronavírus

Portugal tem 41 concelhos acima dos 120 casos de covid-19 por 100 mil habitantes

LUÍS FORRA

Saiba em que nível de risco está o seu concelho.

Saiba mais...

Portugal tem esta sexta-feira 41 concelhos com incidência do novo coronavírus superior a 120 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, menos três em relação ao boletim anterior divulgado na última sexta-feira.

Segundo os dados hoje revelados pela Direção-Geral da Saúde, não existem concelhos em risco muito elevado, ou seja, com incidência a 14 dias superior a 960 casos por 100 mil habitantes.

Em risco elevado de contágio estão os municípios de Cabeceira de Bastos (531), e Odemira (562), que registam incidências acumuladas superiores a 480 casos por 100 mil habitantes.

Dos 41 concelhos, onze registam um acumulado, nos últimos 14 dias, de mais de 240 casos por cada 100 mil habitantes: Aljezur (465), Machico (300), Lagoa (346), Porto Moniz (299), Resende (404), Ribeira Grande (326), Tábua (281), Tabuaço (249), Coruche (298), Paredes (244) e Vila Franca do Campo.

O boletim de hoje revela ainda que 28 concelhos têm valores acima dos 120 casos por 100 mil habitantes. São eles:

  • Alijó
  • Alpiarça
  • Arganil
  • Batalha
  • Beja
  • Boticas
  • Carregal do Sal
  • Castelo de Paiva
  • Celorico de Basto
  • Cinfães
  • Fafe
  • Figueiró dos Vinhos
  • Funchal
  • Lagos
  • Lamego
  • Melgaço
  • Miranda do Douro
  • Oliveira do Hospital
  • Paços de Ferreira
  • Penafiel
  • Peniche
  • Peso da Régua
  • Ponte da Barca
  • Portimão
  • Póvoa de Lanhoso
  • Valongo
  • Vidigueira
  • Vila Real de Santo António

Todos os restantes concelhos registam menos de 120 casos por 100 mil habitantes.

Portugal contabiliza esta sexta-feira zero mortes e 460 novos casos de covid-19, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O primeiro dia sem registo de mortes ocorreu em 3 de agosto de 2020 e o segundo dia foi na segunda-feira passada.

Pedro Nunes

Desde o início da pandemia, Portugal já contabilizou 836.493 casos e 16.974 mortes, estando esta sexta-feira ativos 23.681 casos, menos 52 em relação a ontem.

Esta sexta-feira, 324 doentes estão internados em enfermaria e 89 em cuidados intensivos, os mesmos face a ontem.

Os dados revelam também que mais 512 pessoas foram dadas como recuperadas, fazendo subir para 795.838 o número total desde o início da pandemia em Portugal, em março de 2020.

O número de contactos em vigilância pelas autoridades de saúde diminuiu em 215 relativamente a quinta-feira, totalizando agora 24.100.