Coronavírus

Marta Temido admite agravamento da pandemia em Portugal nas próximas duas semanas

A ministra da Saúde avisa que o número de casos diários de covid-19 pode duplicar.

Saiba mais...

Portugal é o segundo país da União Europeia com mais novos casos diários de covid-19. Algumas regiões como Lisboa e Vale do Tejo e o Algarve já entraram na zona vermelha, visto apresentarem mais de 240 casos por 100.000 habitantes. Numa entrevista à TVI, a ministra da Saúde admite que a pandemia pode vir a agravar-se nas próximas semanas, com o número de casos a chegar aos 4.000.

Para combater este agravamento, a aposta continua a ser na testagem e na vacinação, que vai passar a incluir os menores de 18 anos, a partir de finais de agosto.

"Aquilo que nós estimamos é seguirmos este plano que temos e com as quantidades de vacinas a continuarem a chegarem-nos conseguirmos abrir na última semana de agosto a vacinação para os menos de 18", adiantou Marta Temido, em entrevista à TVI.

No domingo, o secretário regional da Saúde e Proteção Civil da Madeira, Pedro Ramos, disse prevista a administração aos "estudantes a partir dos 12 anos " no verão, no arquipélago, de acordo com a recomendação da Agência Europeia do Medicamento.

"Para o próximo ano letivo, o corpo docente e não docente e os alunos estarão todos vacinados", o que vai permitir o regresso às aulas "em segurança", sublinhou.

Neste momento já foram administradas no país mais de 9 milhões de vacinas.

Veja também: