Coronavírus

Bolsonaro volta a criticar obrigatoriedade da vacinação contra a covid-19

Estudo revela que 95% dos internados com covid-19 no Brasil não foram imunizados.

Saiba mais...

Jair Bolsonaro voltou a criticar a obrigatoriedade de vacinação contra a covid-19, num momento em que indicadores importantes mostram que a imunização dos brasileiros tem resultado no melhor momento do ano em relação à pandemia no país.

A ocupação de hospitais como o do Rio de Janeiro, referência no tratamento da covid- 19, caiu quase para metade no mês de setembro. Esta semana, pela primeira vez desde maio do ano passado, o número de casos é inferior a 15 mil por dia e, pelo oitavo dia consecutivo, a média de mortes ficou abaixo das 500.

A redução da média de mortes é atribuída ao aumento da vacinação. Neste momento, quase todos os internados por covid-19 não completaram a vacinação e a maioria não tomou nenhuma dose.

O relatório final de Comissão Parlamentar de Inquério sobre gestão da pandemia no Brasil deverá atribuir pelo menos 11 crimes contra Bolsonaro, entre eles, crimes de responsabilidade contra a saúde pública e até mesmo crimes contra a humanidade.

Veja também: