Eleições nos EUA

Trump termina de forma abrupta entrevista ao "60 Minutes" que considerou "falsa e tendenciosa" 

Donald Trump

Jonathan Ernst

O Presidente dos EUA ameaçou divulgar partes da entrevista antes desta ir para o ar.

Donald Trump terminou de forma abrupta uma entrevista ao "60 Minutes", da CBS News, esta terça-feira, na Casa Branca, por considerar que era falsa e tendenciosa.

O Presidente dos Estados Unidos conversou com a jornalista Lesley Stahl durante cerca de 45 minutos e depois desse tempo disse à emissora televisiva que já teriam material suficiente para usar.

A CNN conta que a entrevista terá terminado de forma desagradável.

Mais tarde, Donald Trump usou o Twitter para fazer acusações a Lesley Stahl. O Presidente norte-americano acusou a jornalista de não usar máscara e publicou um vídeo onde Stahl aparece a conversar com dois elementos da equipa, logo após a entrevista.

Uma fonte disse à CNN que o vídeo publicado no Twitter mostra o momento imediato a seguir à entrevista, quando Lesley Stahl ainda não tinha recolhido os objetos pessoais.

Donald Trump ameaçou ainda divulgar partes da entrevista que deu na Casa Branca, antes desta ser transmitida na televisão.

Mike Pence, o candidato a vice-Presidente, também deu uma entrevista ao mesmo órgão de comunicação social no mesmo dia. Estava combinado que Donald Trump aparecesse durante a entrevista, mas o Presidente não cumpriu com o que estava planeado.

Novo frente a frente entre Trump e Biden

Donald Trump e Joe Biden têm debate marcado para esta quinta-feira, em Nashville, Tennessee. Este deveria ser o terceiro debate entre os dois candidatos à Presidência dos Estados Unidos, mas porque Trump testou positivo à covid-19 no inicio de outubro, o segundo encontro acabou por ser cancelado.

Há uma nova regra para evitar o caos do primeiro frente a frente. Os microfones vão ser desligados quandos os candidatos não estiverem no uso da palavra.

Joe Biden fez uma pausa nos comícios para preparar o debate desta quinta-feira. Já Donald Trump continua imparável com a campanha e lança novas críticas ao imunologista Anthony Fauci e ao adversário democrata.

  • 0:43