Football Leaks

Denunciante ou criminoso? Arranca o julgamento de Rui Pinto

MARIO CRUZ

Saiba quem é Rui Pinto e quais são os crimes de que é acusado.

O julgamento de Rui Pinto, criador da plataforma Football Leaks, onde divulgou documentos confidenciais do mundo do futebol e alegados esquemas de evasão fiscal, começou esta sexta-feira pelas 10:45, no Tribunal Central Criminal de Lisboa, adiantou à Lusa fonte judicial.

O pirata informático autorizou a captação de vídeo na sessão.

Veja as imagens do julgamento que começa esta sexta-feira:

Segundo a acusação, entre 2015 e 2019 Rui Pinto invadiu a Procuradoria-Geral da República, a sociedade de advogados PLMJ, o Sporting, a Federação Portuguesa de Futebol e o fundo de investimento Doyen, do qual - diz o Ministério Público - terá tentando extorquir entre 500 mil e um milhão de euros.

Rui Pinto garante que está inocente. Chama a tribunal 45 testemunhas, entre os quais o diretor da Polícia Judiciária, a ex-eurodeputada Ana Gomes e o denunciante norte-americano Edward Snowden.

É esperado que o julgamento do hacker internacional seja acompanhado por um grande número de jornalistas, não só portugueses, mas também estrangeiros.

O "hacker" esteve em prisão preventiva desde 22 de março de 2019 até 8 de abril deste ano, dia em que foi colocado em prisão domiciliária, mas em habitações disponibilizadas pela Polícia Judiciária, e estava também proibido de aceder à internet e de ter acesso a dispositivos que o permitam, por decisão da juíza de instrução criminal Cláudia Pina.

"Nada justifica o estatuto de denunciante"

Tiago Rodrigues Bastos, advogado da PLMJ, sociedade que terá sido "atacada" por Rui Pinto, falou antes de entrar no tribunal.

O advogado considera "difícil encontrar uma razão para ver aqui o 'whistleblower' [denunciante]". Para ele "o que interessa neste momento é que este julgamento se faça à volta dos factos que constam na acusação".

"Os factos que constam na acusação são muito claros, muito evidentes e parecem absolutamente incontornáveis.", disse o advogado da PLMJ.

Apoiantes pedem proteção de Rui Pinto à porta do tribunal

Alguns apoiantes de Rui Pinto juntaram-se esta manhã à porta do tribunal. Em declarações à SIC, consideraram que o arguido deve ser absolvido e defenderam que tudo o que fez foi ajudar a denunciar esquemas de corrupção.

Quem é Rui Pinto?

Tem 31 anos, é natural de Vila Nova de Gaia. Foi detido há um ano e meio na Hungria e está há um mês ao abrigo do programa de proteção de testemunhas em Portugal.

Génio da informática, autodidata dos computadores, apaixonado por arqueologia, fanático do futebol e amante do Porto. Rui Pinto nasceu em Mafamude, cresceu na praia dos Lavadores, em Vila Nova de Gaia.

Estudou história na Faculdade de Letras da Universidade do Porto e fez Erasmus na cidade onde anos depois foi detido. Na Hungria criou um negócio de venda de livros raros pela Internet.

Mas autoridades dizem que o apartamento onde viveu não serviu apenas para o negócio familiar. Terá servido também de base tecnológica a partir da qual acedeu a sistemas informáticos e a caixas de correio eletrónico com identidades falsas.

Denunciante do Football Leaks e fonte do Luanda Leaks, Rui Pinto garante que não é criminoso e que quer apenas denunciar a grande corrupção.

Especial de Informação

Veja também: